fbpx

Blog

10-curiosidades-sobre-o-olfato_edited

A experiência marcante do marketing sensorial

 Novas técnicas e estudos são desenvolvidos a todo o momento em busca de novas opções e fatores que estimulem o consumidor a se fidelizar a uma marca, ou simplesmente consumi-la. Algumas delas já citadas, como o marketing de causa, campanhas transmídia, storytelling, redes sociais e muitos outros. Mas hoje viemos falar de novas experiências que também mexem com o emocional, mas de uma forma diferente.

 Já deve ter ouvido a expressão “memória olfativa”, ou muitas outras que relacionam algum dos cinco sentidos (visão, paladar, tato, olfato e audição) a um sentimento específico ou memória nostálgica. É nessa relação complexa do cérebro humano que se encontra uma ação simples e genial de marketing que pode transformar uma marca. Estamos falando do já bastante comentado, mas pouco praticado, marketing sensorial.

 Ele é nada mais do que uma ação de vincular ou trabalhar um fator sensorial a uma marca, com base em estudos de público e identidade. Esse processo tem o objetivo de atrair uma maior clientela (já que os sentidos são os principais atrativos no momento de consumo) e fidelizá-la (com os conceitos do prazer sensorial e da ligação afetiva que a memória desenvolve através dos sentidos).

 Já o sentido de toque, ainda não muito explorado, mas de grande importância, oferece um maior reconhecimento do produto e também instiga reações de atração e prazer. Além do jogo de texturas é interessante trabalhar com questões de temperatura. O calor geralmente é ligado a sensação de aconchego e o frio a sensação de racionalidade e clareza.

 Quanto ao paladar, ele não necessariamente se restringe apenas aos empreendimentos alimentícios. Muitos negócios investem na oferta de petiscos ou bebidas ao clientes (como as barbearias masculinas com a oferta de cerveja), algo que pode ser muito apreciado e auxilia a criar o clima do ambiente.

 O marketing sensorial pode ser aplicado referente a marca, um produto em específico, uma linha de produção ou uma campanha. O importante é que se faça uma análise prévia, denominada pesquisa sensorial, que irá determinar como os sentidos influenciam um consumidor na hora de escolher um produto ou empresa. Isso é importantíssimo para que a escolha da estratégia a se utilizar seja correta, com maior chances de sucesso com o público-alvo, evitando conflitos de sentido que desestimulem a clientela.

 Muitas marcas famosas já utilizam desta tática, citando algumas como: McDonald’s, Coca-Cola, Apple, Hugo Boss, Nike, Victoria’s Secret, Lacoste, entre muitas outras. Mas não se engane pensando que esse tipo de ação é alcançável apenas para grandes negócios, pois isso não poderia ser mais incorreto. Na verdade, essa estratégia é perfeita para pequenas empresas, que podem experimentar e encontrar o método correto para aplicá-lo de forma que venha a tornar-se uma identidade única que facilmente será vinculada pelo cliente.

 Então, que tal explorar os sentidos e descobrir como eles podem transformar no consumo da sua marca?

Contrate nossos serviços 

Compartilhe